0item(s)

Nenhum produto no carrinho.

Product was successfully added to your shopping cart.
ANÓXIA NEONATAL E SEQUELAS NEUROLÓGICAS

ANÓXIA NEONATAL E SEQUELAS NEUROLÓGICAS

R$49,90

(Disponível)

ANÓXIA NEONATAL E SEQUELAS NEUROLÓGICAS

Seja o primeiro a avaliar este produto

Status: Disponível

R$49,90
R$49,90

Detalhes

Dedicatória

À Professora Maria Valeriana Leme de Moura Ribeiro

Agradecimentos

Este texto é resultado da dedicação de profissionais envolvidos com a
problemática da anóxia neonatal, seu diagnóstico, suas sequelas, e principalmente
sua prevenção, na geração de conhecimentos e aplicação em nível assistencial. São
equipes integrantes de programas de pós-graduação strictu senso da Faculdade
de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo; da Unidade de
Terapia Intensiva Neonatal e de Ambulatórios especializados do Hospital das
Clínicas de Ribeirão Preto. Agradecemos profundamente a estas equipes, nas
pessoas de seus responsáveis por ocasião do desenvolvimento deste projeto.

Profa. Dra. Maria Valeriana Leme de Moura Ribeiro – Setor de Neurologia Infantil,
Departamento de Neurologia, Psiquiatria e Psicologia Médica. Programa de Pós-
Graduação em Neurologia.

Prof. Dr. Arthur Lopes Gonçalves – Unidade de Terapia Intensiva Neonatal.
Departamento de Pediatria e Puericultura. Programa de Pós-Graduação em
Pediatria.

Prof. Dr. Sérgio Pereira da Cunha. Setor de Obstetrícia. Departamento de
Ginecologia e Obstetrícia. Programa de Pós-Graduação em Ginecologia e
Obstetrícia.

Prof. Dr. Ricardo Gorayeb – Setor de Psicologia Clínica. Departamento de
Neurologia, Psiquiatria e Psicologia Médica. Programa de Pós-Graduação em
Saúde Mental.

Prof. Dr. Júlio César Daneluzzi – Centro Médico Social de Vila Lobato. Departamento
de Pediatria e Puericultura. Programa de Pós-Graduação em Pediatria.

Prof. Dr. João Monteiro de Pina Neto – Genética Clínica. Departamento de
Genética. Programa de Pós-Graduação em Genética.

Prefácio

A anóxia perinatal ainda desperta interesse científico e político-social neste
início do século XXI, uma vez que continua situando-se entre as causas mais
frequentes de óbito neonatal no mundo, e nos sobreviventes deixa sequelas que
podem ser graves, requerendo ações preventivas em seus diversos níveis.

O presente volume trata da consequência da anóxia perinatal sobre o sistema
nervoso: a encefalopatia hipóxico-isquêmica (EHI), que será tratada em tópicos de
interesse clínico. Inicia focalizando a questão do diagnóstico da anóxia neonatal,
e, em seguida, apresenta em recorte, dados de estudos desenvolvidos, que
elucidaram questões como a caracterização das manifestações clínicas da asfixia
sobre o sistema nervoso central do recém-nascido de termo, a relação entre
asfixia verificada ao nascimento e sequelas neurológicas, a hipotonia durante o
desenvolvimento, como diagnóstico diferencial, a incidência da EHI no Hospital
das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São
Paulo (HCRP) e o diagnóstico etiológico da paralisia cerebral, com enfoque na
prevenção primária das deficiências.

Autores

Carolina Araújo Rodrigues Funayama

Graduação(1976-Medicina), mestrado (1985-Neurologia), doutorado (1990-Neurologia) e Livre-docência (2004 - Neurologia Infantil) pela Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP-USP). Docente aposentada desde 2013 pela FMRP-USP, Departamento de Neurociências e Ciências do Comportamento.

Sumário

00.Introdução

01.Critérios para diagnóstico de anóxia neonatal

02.A encefalopatia hipóxico-isquêmica perinatal (EHI)

2.1.Fisiopatogenia da encefalopatia hipóxico-isquêmica (EHI)

2.2.Semiologia neurológica em recém-nascido de termo com EHI

2.3.Sobre a classificação da EHI no recém nascido de termo

2.4.EHI em crianças nascidas a termo de baixo peso para a idade gestacional (PIG)

2.5.Sobre a incidência da EHI perinatal no recém-nascido de termo

3.Distribuição de fatores maternos e obstétricos nos grupos com anóxia neonatal

4.Fatores com valor prognóstico para a evolução neurológica tardia na história de recém-nascido com anóxia

4.1.Valor prognóstico dos antecedentes maternos e obstétricos

4.2.Índice de apgar e encefalopatia hipóxico-isquêmica (EHI)

6 ANÓXIA NEONATAL E SEQUELAS NEUROLÓGICAS

4.3.Índice de apgar versus encefalopatia hipóxico-isquêmica (EHI), como valor prognóstico para sequelas neurológicas

4.4.EHI e sequelas neurológicas

5.A influência do fator herdabilidade no aparecimento da crise neonatal da EHI

6.Como evoluia hipotonia da EHI no recém-nascido de termo

7.Um estudo sobre desenvolvimento neuromotor dissociado - Diagnóstico diferencial para o atraso neuromotor

8.EHI entre as causas de paralisia cerebral

9.O diagnóstico retrospectivo da EHI

10.Considerações finais

11.Sugestões para medidas de prevenção de sequelas neurológicas decorrentes da encefalopatia hipóxicoisquêmica fetal e neonatal

Referências

Tags do Produto

Use espaços para separar as tags. E aspas simples (') para frases.

  1. Seja o primeiro a avaliar esse item

Queremos saber sua opinião

Como você avalia este produto? *

  1 estrela 2 estrelas 3 estrelas 4 estrelas 5 estrelas
Conteúdo
Qualidade
Preço