Que contribuição às análises pode oferecer aos profissionais atuantes na área de saúde?

As respostas estão na contribuição que as análises dão à prescrição e orientação de programas de atividades motoras e nutricionais direcionadas aos públicos-alvo variados, seja com o intuito de ganho ou redução de massa corporal, seja, ainda, com o objetivo de controlar doenças, isto é, de acompanhar o estado de saúde do indivíduo. Desse modo, o fracionamento de seus diferentes componentes é um princípio essencial para a aplicação e os estudos relacionados à composição corporal, com o propósito de analisar os efeitos da terapia aplicada.

Métodos de avaliação da composição corporal

Conceitos-chave:

Absorciometria de raio x de dupla energia (DEXA):

Técnica de diagnóstico por imagem, que resulta em valores de porcentagem (%) e gramas (g) de tecido adiposo, conteúdo mineral ósseo e massa magra.

Bioimpedância elétrica (BIA):

Método laboratorial que consiste na passagem de uma corrente elétrica fraca pelo corpo, gerando dados sobre peso e porcentagem de tecido adiposo, massa magra, quantidade de água e taxa metabólica.

Índice de massa corporal:

Técnica amplamente utilizada em saúde pública e na clínica para a estimativa de subnutrição, sobrepeso e obesidade, assim como para a avaliação nutricional.

Massa corporal:

Constituída por dois componentes distintos, os metabolicamente ativos - o tecido ósseo e os lipídios essenciais, conhecidos como massa livre de gordura - e, de outro lado, os lipídios corporais não essenciais e a massa adiposa.

Métodos de raios infravermelhos:

Baseiam-se no princípio de absorção e reflexão da luz por meio de densidade óptica específica. Por meio deles, pode-se predizer a quantidade local de massa magra e tecido adiposo.

Pesagem hidrostática:

Técnica laboratorial com a qual o indivíduo é pesado no meio líquido.

Pletismografia:

Método laboratorial baseado na técnica por deslocamento de ar, determinando dados de massa livre de gordura e massa de gordura em unidades de quilos (kg) e percentual (%), além do valor da massa corporal total (kg).

Tomografia computadorizada:

Técnica baseada na diferença em atenuações aos raios x para diferentes densidades dos tecidos, resultando em dados da massa corporal total e também da gordura ectópica.

Ultrassonografia:

Método baseado na conversão da energia elétrica por meio de uma sonda e um receptor em ondas sonoras de alta frequência. Pode mapear a espessura do músculo e da gordura nas diferentes regiões corporais, bem como quantificar as mudanças no padrão topográfico da gordura.